Hola, hola
Tenho assistido muitos filmes e mais um para conta foi o documentário Conversaciones con asesinos: Las cintas de Ted Bundy, sobre o maior assassino em série dos Estados Unidos entre os  anos 70 e 80. A figura de Bundy se faz muito presente agora que faz 30 anos de sua execução na cadeira elétrica em 1989.

Autor confesso da morte de ao menos 36 mulheres entre 1974 e 1978, o documentário utilizou mais de 100 horas de entrevistas inéditas gravadas em fita cassete, feitas no corredor da morte e que narra sua vida e seus crimes, antes de ser executado.

Theodore Robert Cowell Bundy, mais conhecido como Ted Bundy foi sequestrador, violador, ladrão e assassino em série de mulheres, sendo confirmados 36 assassinatos e finalmente foi condenado a morte e executado na cadeira elétrica em janeiro de 1989. Dois días antes de morrer reconheceu 30 assassinatos cruéis e sem piedade em sete estados diferentes dos Estados Unidos.
Bundy assegurava ouvir uma voz que lhe dizia para matar as mulheres. Apesar de ter cometido vários assassinatos, os mesmos não acalmavam suas ânsias e sempre voltava a repeti-los, com mais requinte e perfeição, para sentir-se satisfeito. 
Seu aspecto atrativo, amável, educado e com cara de bom genro fizeram a sociedade inicialmente, não considerá-lo como um assassino. Mas, enfim, diante das provas, a justiça finalmente declarou sua pena de morte.
"Queremos crer que podemos identificar as pessoas perigosas, mas o mais aterrador é que não podemos. As pessoas não se dão conta que convivem com assassinos em série em potencial". Ted Bundy
A série tem 4 episódios e relata como os jornalistas em 1980, passaram 100 horas entrevistando a Bundy, reflexionando sobre sua vida e muitas vezes em terceira pessoa. Além disso, conta com os relatos de seus amigos de infância, advogados, detetives e de uma mulher que conseguiu fugir dele e sobreviver a um de seus ataques, que foi crucial para sua condenação.
O assassino é aparentemente inofensivo, bonito, eloquente e inteligente com formação universitária em Direito e Psicologia e sobretudo, com um enorme poder de atração sobre as mulheres. 
Posso dizer que o documentário é interessante, chocante e ao mesmo tempo aliviador por saber que mesmo não havendo toda a tecnologia que há hoje em dia, a polícia conseguiu caçá-lo e prendê-lo. 
Muito difícil compreender a mente de um assassino, mas gostei do tipo de narração, das imagens reais, dos fatos e de toda a cronologia do caso. Um tipo comum que matou muitas mulheres sem muito esforço. Vale a pena assistir. 
Um beijo e até mais!

Compartilhe:

6 Comentários

  1. Eu tenho medo sabia... olhamos para as pessoas e não imaginamos o que está na mente delas... Esse Tedy mesmo, cara de homem maduro, sem preocupações... como nos enganamos tão facilmente né.
    Sem netflix por enquanto mas amei as dicas! Bjs Monalise
    www.dividindoexperiencias.com

    ResponderExcluir
  2. gosto desse tipo de documentário policial, interessante conhecer a historia desse assassino

    www.tofucolorido.com.br
    www.facebook.com/blogtofucolorido

    ResponderExcluir
  3. irei focar-me sobre isso, querida. obrigado pela sugestão :D

    parece ser bem interessante!

    NEW DECOR POST | RAFFIA AT HOME? YES, PLEEEASE!!!
    InstagramFacebook Official PageMiguel Gouveia / Blog Pieces Of Me :D

    ResponderExcluir
  4. Parece ser um documentário bem interessante.
    Bom fim de semana!

    Jovem Jornalista
    Fanpage
    Instagram

    Até mais, Emerson Garcia

    ResponderExcluir
  5. ahahah muito obrigado, minha querida :D

    NEW OUTFIT POST | SEE YOU SOON ✈✈!!!
    InstagramFacebook Official PageMiguel Gouveia / Blog Pieces Of Me :D

    ResponderExcluir
  6. Oi Sheyla,
    Tb assisti a esta série e gostei muito!Ted Bundy me deixa intrigada, pois ele enganava todo mundo, inclusive aos homens, pois todo mundo acreditava na inoc~encia dele.
    Beijos

    ResponderExcluir

Olá!
Fico feliz com sua visita e não saia sem deixar seu comentário.
Bjokas,Sheyla.

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *