Acumule Vida, não coisas


Um pouco de reflexão aqui no blog, vi esse texto no facebook e resolvi compartilhar com vocês. Ele fala da necessidade que temos em relação a recompensas e gostos. Em que a palavra "necessidade" vem com tudo, quando defendemos o que desejamos, o que  sonhamos e o que acreditamos piamente que precisamos e sem o qual não podemos viver.

Necessitamos, precisamos a qualquer custo e não sossegamos, enquanto não conseguimos. E começamos a acumular necessidades…
Acumulamos tudo. Papel demais, vaidade demais, lixo demais, comida demais, promessas demais, móveis demais, manias demais, peso demais para uma vida que não depende, nem se garante por nada disso.
Se vamos ao supermercado, enlouquecemos. Compramos muito mais do que precisamos, saímos de lá exaustos, lisos, e com carrinhos abarrotados de coisas que não precisamos, que não suprem a fome que realmente temos. Mas, naquele exato momento, juramos que não haverá possibilidade de vida, se não levarmos quatro potes de cera líquida para tacos. Assim somos. Insaciáveis.
Se passamos na farmácia, viramos imediatamente doentes, de tanta medicação que precisamos ter com urgência em casa, para o caso de uma febre, uma torção, um ataque cardíaco, laringite, sinusite, tendinite…
Em viagem, perdemos totalmente a noção de estadia provisória, levando uma bagagem gigante, pesada, desnecessária, desconfortável e ridícula.
Olhando assim de passagem, eu diria que, compatível com as angústias que desejamos deixar para trás, muitas vezes.
Nós guardamos livros que não iremos ler mais, material escolar que jamais voltaremos a consultar, rolhas de garrafas, vidros vazios, revistas, sacolas, roupas, enfeites, comidas, remorsos, mágoas, invejas, lamúrias, ressentimentos e toda espécie de peso em nossos ombros.
Por fim, ficamos totalmente soterrados e engolidos, desfigurados, irreconhecíveis, distantes demais do que já ousamos sonhar em ser. Não há espaço mais para acomodar a liberdade, não há braços para carregar os sonhos, não há fôlego para acompanhar a vida que passa.
Joguemos fora, portanto, o que nos limita os movimentos. Tenhamos coragem de nos desfazer de coisas e causas que nos paralisam. Necessidade é viver em paz! Necessidade é colecionar lembranças, acumular memórias, estocar conquistas, cercar-se de afetos.
Saiamos das trincheiras, de peito aberto para vida, sem escudos nem proteções. A vida passa rápido demais para sermos unicamente vigias dos nossos pertences. Pertençamos nós à vida, da forma mais livre possível.
Fonte: http://thesecret.tv.br/2015/11/acumule-vida-nao-coisas/#.Vlz4kUlyWI4.facebook

Mais uma vez, explico que o referido texto não é de minha autoria e foi retirado do facebook.

Mil beijos,
Clique para obter Opções

23 comentários:

  1. Concordo plenamente :)

    http://checkinonline.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
  2. É amiga!
    Quero me livrar desse cálice!!!
    Adorei o post! Muito interessante!!!
    Bjos!

    ResponderExcluir
  3. Linda mensagem e infelizmente vemos tanto acontecendo o contrário, não? bjs, tudo de bom,chica

    ResponderExcluir
  4. Concordo em absoluto, devemos saber viver a vida ao máximo e aproveitar cada momento :)

    http://ummarderecordacoes.blogs.sapo.pt/

    ResponderExcluir
  5. Oi Sheyla,
    Preciso dizer que amei o texto? simplesmente maravilhoso.
    Bjs

    ResponderExcluir
  6. Adorei as palavras. Adorei o texto. E é mesmo verdade. Andamos demasiado preocupados em ter tudo, por vezes do bom e do melhor, coisas que não nos acrescentam em nada ao nosso bem estar e ao nosso dia a dia. Faz falta uma mudança de mentalidades :)
    Beijinhos
    Blogger @ The Girl In Jeans
    Facebook @ The Girl In Jeans
    Arts&Crafts @ Três Azul

    ResponderExcluir
  7. A dificuldade de se desapegar é algo que temos que aprender desde pequenos. Acumular coisas nunca é uma boa coisa, seja no físico ou emocional, ninguém pode guardar tudo e para que o novo venha o velho tem que sair.

    bjokas =)

    ResponderExcluir
  8. Tens razaõ, quanta coisa que acumulamos! Fico com peso na consciencia com a quantidade de livros que não irei mais ler e está lá na minha estante!
    :(
    Beijos e feliz Páscoa
    Adriana

    ResponderExcluir
  9. mt legal esse post! eu tbm acho que td o dinheiro que a gente "gasta" com experiencias é mt mais bem gasto!

    www.tofucolorido.com.br
    www.facebook.com/blogtofucolorido

    ResponderExcluir
  10. Acabamos sendo reféns das "coisas", apegados às coisas... acumuladores... quando na verdade deveríamos acumular vida!

    Belo pensamento Sheylinha!!

    Mil beijos

    ResponderExcluir
  11. Amei o texto e concordo demais. Precisamos muito repensar nas nossas prioridades e vermos o que é importante para nós.

    Beijos
    http://pimentasdeacucar.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Adorei o texto, concordo plenamente com o que escreveste :)

    http://thesunnysideoflifeblog.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
  13. Oi Sheyla,
    Você estava muito inspirada quando escreveu esse texto, simplesmente amei!
    Bjs❤
    Abrir Janela

    ResponderExcluir
  14. Com certeza, os momentos que passo com amigos, estudando, aprendendo e viajando compensa muito mais que qualquer coisa!

    www.raposalaranja.com.br

    ResponderExcluir
  15. Adorei! Era o que eu estava precisando de ler nessa quinta. Devemos guardar e lembrar só das coisas boas. Devemos nos desfazer desse quarto de bagunça que nos atormenta.
    Bom final de semana!

    http://jj-jovemjornalista.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  16. Hi!
    Nice blog!
    I started follow your blog. Can you follow me back?
    Blog CHIC Poradnik I am presenting styling bloggers :)

    http://chicporadnik.blogspot.com

    ResponderExcluir
  17. Muito bom o texto.Realmente é necessário não acumular "tralha", porque devemos passar nesta vida com o fardo mais ligeiro possível..
    Um dia iremos para outra dimensão, e descendentes nem querem saber, nem podem herdar tantas coisas materiais... Foi muito bom ler o texto, para reavivar...importante também desintoxicar nosso corpo, onde se vão acumulando tantos tóxicos, ao longo do ano. Cada vez mais ofereço, cada vez mais fico só com fotos,porque entendi que as recordações boas estão dentro de nós, e essas fazem parte do nosso trajecto espiritual... O desapego é cada vez mais fundamental, fiquemos com a amizade, o calor das relações boas com a família e amigos. Continue a escrever textos inspiradores como esse. O blog da Betty sai enriquecido.

    ResponderExcluir
  18. Muito bom o texto e serve para uma cartilha quase que diária. Este final de semana eu e meu marido conhecemos uma pessoa totalmente desprovidade de vontade de viver e de coragem pra acumular vida, estava somente preocupado em só adquirir coisas e usa a razão para não desfrutar da liberdade porque já não se sente jovem. Ora bolas, juventude está na "cabeça" e não na idade cronológica e tendo boa saúde, tem mais é que aproveitar todos os minutos que temos respirando neste mundo. Bjs
    www.brasildobem.net

    ResponderExcluir
  19. Lindo o texto. Achei que você que tivesse escrito, mas valeu mesmo assim! *-*
    Realmente as pessoas dão mais valor às coisas.
    Beijos!

    Chiquereza

    ResponderExcluir

Olá!
Fico feliz com sua visita e não saia sem deixar seu comentário.
Bjokas,Sheyla.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...